Assembleia de Deus Ministério Belém
RUA FLAMINGO 239 PORTAL LARANJEIRAS CAIEIRAS – SP

CULTOS:

Terças e Quintas feiras ás 19:30

Domingo 18:00

Pastor Responsável : Adalberto Alves Pereira


Páginas

Assembleia de Deus leva orquestra para evangelizar no Maracanã


 

Canções populares e clássicos da Harpa Cristã foram entoados durante o dia

No último sábado (12) a Igreja Assembleia de Deus realizou uma apresentação musical em frente ao estádio Mário Filho, o Maracanã, no Rio de Janeiro.
A ação evangelística fez parte do projeto AD na Copa criado pela Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB) que durante todo o mundial promoveu eventos para falar de Jesus aos turistas e brasileiros.
Essa apresentação em específico reuniu músicos das orquestras da AD da Engenhoca e Teixeira de Freitas (no município de Niterói-RJ) e também da AD de Ilha da Conceição. Todos foram regidos pelo maestro Josué Campos e entoaram melodias populares e clássicos na Harpa Cristã evangélica.
O projeto AD na Copa contou também com o apoio da Casa Publicadora das Assembleias de Deus (CPAD) que forneceu folhetos evangelísticos e camisetas para a realização do evento.

Culto Ação de Graças




AD vai celebrar os 80 anos do Pastor José Wellington Bezerra da Costa

Pastor Everaldo terá espaço igual aos demais candidatos a presidente


Pastor Everaldo terá espaço igual aos demais candidatos a presidente na TV Globo segundo jornalista

O pastor Everaldo Pereira, candidato do PSC à presidência da República e quarto colocado nas pesquisas de intenção de voto, deverá receber grande espaço no noticiário do Jornal Nacional, da TV Globo.
A informação foi divulgada pelo jornalista Bernardo Mello Franco, colunista do Jornal Folha de S. Paulo: “A TV Globo pretende dar tempo igual em seus telejornais aos quatro candidatos a presidente mais bem colocados nas pesquisas. Isso significa que o nanico Pastor Everaldo (PSC), com 4% no Datafolha, teria hoje o mesmo espaço que Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB)”.
Ainda segundo a publicação de Mello Franco no Painel da Folha, a exposição de Everaldo à mídia preocupa os dirigentes da campanha do Partido dos Trabalhadores, que veem nessa situação uma ameaça direta à reeleição de Dilma Rousseff, que chegaria então ao segundo turno “precisando angariar mais votos do que previa”.
A notícia de que a Globo dedicará espaço igualitário em seu principal telejornal aos primeiros colocados pode ajudar os apoiadores da campanha de Everaldo a conseguir seu objetivo: fazer o pastor conseguir até 10% dos votos no primeiro turno, para no segundo, barganhar politicamente questões que são vistas como essenciais para a agenda da bancada evangélica.

9 de Agosto - Dia Nacional do Jovem Assembleiano



 



Projeto da CGADB visa unidade dos jovens da AD e ações evangelísticas
Durante o último Fórum da Comissão de Evangelismo e Discipulado da Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), presidida pelo pastor Raul Cavalcante, líder da AD Imperatriz (MA), foi aprovado o projeto de criação do Dia Nacional do Jovem Assembleiano, que será comemorado todos os anos no segundo sábado do mês de agosto. A primeira edição será no dia 9 de agosto deste ano. O projeto tem como finalidade fortalecer a identidade do jovem assembleiano e promover em todo o Brasil movimentos evangelísticos com a juventude das Assembleias de Deus. “Cada liderança poderá criar suas próprias estratégias para fortalecer a ideia, de acordo com a realidade de seus Estados e cidades, e utilizar meios criativos para evangelização, com a temática ‘Jovem evangelizando jovem’”, convoca um dos coordenadores do projeto, o jovem Luaran Lins. A ideia é impactar o Brasil em um mesmo dia com blitz evangelísticas, mutirões socais, evangelismo virtual pelas redes sociais (facebook, whatsapp, twitter, instagran), torpedos, evangelismo de casa em casa entre outras estratégias. O Projeto JEFTE, que foi lançado também durante o Fórum, faz alusão ao nome do personagem bíblico registrado no livro de Juízes quer foi usado por Deus apesar de ter sido desprezado por sua família, e também é uma sigla que faz referência à proposta do projeto: Jovens Evangélicos Focados no Trabalho de Evangelização. “Precisamos reacender a chama evangelística no coração de todos os jovens das ADs no Brasil e fazer com que cada jovem assembleiano ganhe pelo menos mais uma vida para Jesus por ano”, avisa Luaran. Algumas dicas dos organizadores da mobilização é usar símbolos da internet para divulgar a mensagem do Evangelho. Por exemplo: símbolo do vírus = pecado; símbolo do restaurador do sistema = Jesus; símbolo do download = salvação em Cristo, entre outras coisas, tudo utilizando uma linguagem própria para ganhar vidas. Então, não se esqueçam, jovens assembleianos: em 9 de agosto, vamos impactar o Brasil pela internet com a mensagem da Salvação!

Mocidade no Belenzinho

A Vitória no Vale de Baca


Texto Bíblico: Salmos 84.5-7

Introdução: Esta é uma mensagem que com certeza a amada igreja já ouviu algum profeta de Deus pregar e de varias formas e de vários ângulos esta mensagem já chegou até você, eu apenas gostaria de trazer uma palavra que me foi revelada neste contexto e com certeza ela, a Palavra de Deus fará á diferença (o milagre) em sua vida.

O Vale de Baca. O Vale de Baca, é chamado “Vale das Lamentações”, “Vale das Lágrimas”, “Vale das Balsameiras” e “Vale Árido”. As plantas de Bálsamo existentes no vale “choravam”, isto é, destilava um líquido de aroma agradável que deveria tornar Baca um lugar perfumado. Bálsamos são conhecidos por suas propriedades confortantes e calmantes, sendo assim, o escuro vale, de difícil passagem continha os seus segredos. O Vale de Baca era rota obrigatória para os israelitas nas suas peregrinações a Jerusalém, e tornou-se um símbolo das tribulações que enfrentamos nesta nossa peregrinação terrena, a caminho da Jerusalém celestial. Muitos de nós passamos por esse Vale, alguns poucas vezes, outros muitas, alguns até vivem em Baca, porém; assim como nós passamos por ele, ele também se irá de nós.

1 - É Inevitável em Nossas Vidas. Os israelitas de quase toda palestina tinham que passar pelo Vale de Baca, quando a caminho de Jerusalém. A topografia os obrigava a isto. Na experiência cristã não é diferente. Muitas são as adversidades que nos afligem e nos fazem chorar no decorrer de nossa peregrinação terrena: Desapontamentos, desastres, calamidades, perdas, escassez, enfermidades e morte. De um modo ou de outro, cedo ou tarde, mais ou menos vezes, todos passaremos pelo Vale. O Vale é inevitável. É consequência da vida. Mais tem um porem, não estamos sozinhos neste vale. O Senhor Jeová Está Conosco! Exemplos:

Na Fornalha de Fogo Ardente – “Ele é o Quarto Homem.” (Dn 3.25). 
Na Cova dos Leões – “Ele é o Leão da Tribo de Judá.” (Dn 6.16,20-22; Ap 5.5). 
No Vale das Nossas Vidas – “Ele é o Deus que Está Presente.” (Sl 23.4; Is 43.2; Hb 13.5b).

2 - Lugar da Impossibilidade Humana. O Vale de Baca é um lugar árido onde as condições de sobrevivência são bastante escassas, há poucos recursos, na verdade este “vale” nos possibilita ver que não somos nada. O Senhor permite a todos os seus filhos passar por este “Vale” em algum tempo de suas vidas para que possam perceber o quanto necessita do Senhor. A Escritura Sagrada diz:
“… sem mim nada podeis fazer.” (Jo 15.5).
“… a nossa capacidade vem de Deus.” (2Co 3.5).
É o Lugar Onde Deus Fala:
“… A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza…” (2Co 12.9).
“Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou o teu Deus; eu te esforço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça… Porque eu, o Senhor, teu Deus, te tomo pela tua mão direita e te digo; não temas, que eu te ajudo.” (Is 41.10,13).


3 - Lugar da Providência Divina. O Vale de Baca é o “deserto” de nossas vidas onde aprendemos que só Jesus é o nosso sustento, nosso pão e nossa água. No Vale de Baca só existe baca (vegetação rasteira que não precisa de água para sobreviver), nós necessitamos de água para sobrevivermos. O Vale de Baca não é nosso lugar, temos que passar por lá em algum tempo de nossa vida e lá experimentaremos o Senhor Jesus como nossa fonte de água viva. Porque Ele é poderoso para abrir fontes no meio do Vale e te saciar de alegria. (Ef 3.20). No Vale de Baca há Providência Divina:

Para os Sedentos. (Jo 7.37; 4.14).
“E, no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, que venha a mim e beba.” (Jo 7.37).
“Mas aquele que beber da água que eu lhe der nunca terá sede, porque a água que eu lhe der fará nele uma fonte de água a jorrar para a vida eterna.” (Jo 4.14).

Para os Famintos. (Jo 6.35).
“E Jesus lhes disse: Eu Sou o pão da vida; aquele que vem a mim não terá fome…”. 
Para os Cansados e Sobrecarregados. (Mt 11.28).
“Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei.” 

E Para os Necessitados. (Fp 4.19). 
“O meu Deus suprirá todas as vossas necessidades segundo a sua gloriosa riqueza em Cristo Jesus.”

Aquele que quer alegria conquista e vitória em sua vida tem que passar pelo Vale de Baca.
“O qual passando pelo vale de Baça, faz dele uma fonte…” (v.6). Longe de desanimar ou desfalecer, vai “indo de força em força…” (v.7), e tome posse da vitória em nome do Senhor Jesus. Hei, não desista, prossiga! O salmista diz:
“… o choro pode durar uma noite, mas a alegria vem pela manhã.” (Sl 30.5).
“Os que semeiam em lágrimas segarão com alegria. Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará, sem dúvida, com alegria, trazendo consigo os seus molhos.” (Sl 126.5,6).

Dias melhores virão. O melhor de Deus está por vir na sua vida! Hoje Ele enxugará as tuas lágrimas. Acredite!

Desfrutando da Casa do Rei

  Texto: II Cr 9:1-12

Vemos em uma passagem da bíblia a historia de uma rainha que saiu de terras distantes para conhecer o palácio de Salomão. Esta rainha foi muito sabia, pois não se intimidou ao desfrutar de toda a hospitalidade do rei. Ela comeu, bebeu, tirou as suas duvidas e ainda recebeu diversos presentes do rei. Se você fosse convidado por um rei para visitar o seu palácio, o quê você faria?
Em todo culto que vamos o Rei Jesus sempre esta presente, mas muitos cristãos tem deixado isto passar por desapercebido, e ficam tão preocupados com o fim do culto que mal aproveitam a presença do Rei. Nós que somos a noiva de Cristo, temos que desfrutar de tudo aquilo que Jesus nos proporciona mediante a sua graça. Devemos ser como a rainha de Sabá. Em todo palácio da antiguidade havia três grandes salas que eram de suma importância em um reino. E quando analisamos o contexto vemos que a rainha de Sabá visitou cada uma destas salas. Nós estamos vivendo no reino de Deus não podemos deixar de viver nenhuma destas três grandes salas. OS TRÊS CÔMODOS Do reino de Deus.

1 - SALA DO BANQUETE. Era o lugar onde o rei banqueteava e festejava com seus convidados, lá ele comia, bebia alegrava-se. Vamos ver no livro de Daniel, Belsazar dando uma grande festa na sala do banquete. "O REI Belsazar deu um grande banquete a mil dos seus senhores, e bebeu vinho na presença dos mil." (Dn 5.1). O rei Salomão recebeu a Rainha de Sabá na sala do banquete (1 Re 10:5) Quando estamos na casa do Senhor, louvando e exaltando o seu santo Nome, Deus traz a sala do banquete diante de nós, se alegra conosco e quer saciar a nossa fome espiritual. Não podemos deixar de desfrutar da mesa do Rei. Coma beba e se alegre, o Rei te ama.

2 - SALA DA TESOURARIA. A sala da tesouraria é semelhante ao Banco Central que temos em nosso país. Um reinado sem a sala da tesouraria era um reinado falido. Era nesta sala que se concentrava todos os tesouros, como ouro, prata, bronze e diversos outros títulos, lá se concentrava a força econômica do reino. A rainha de Sabá entrou na sala da tesouraria e recebeu tudo quanto queria (2 Cr 9: 12-13). Jesus é aquele que tem a chave de Davi. (Ap 3:7), Ele é o que abre e ninguém fecha e fecha e ninguém abre, Ele é aquele que tem todo poder e toda autoridade (Mt 28:18). Tudo depende Dele, e nada acontece se não for por sua vontade, se você esta precisando de alguma coisa não se desespere, entre na sala da tesouraria, e lance sobre Jesus as suas necessidades espirituais e materiais.

3 - SALA DO TRONO. Neste lugar o rei exercia o seu poder executivo, era justamente nesta sala que eles tratavam dos mais diversos assuntos em relação ao governo do reino. Lá eles exerciam o seu cetro, tomavam decisões e criavam leis. A rainha de Sabá entrou na sala do trono e falou tudo quanto tinha no seu coração (2Cr 9:1). Quando Hamã tinha um plano para destruir os judeus, a rainha Ester entrou na sala do trono e intercedeu pelo seu povo.(Est 5:1-2). O apostolo João viu e entrou na sala do trono de Deus (Ap 4: 1-11). O nosso rei esta nos esperando na sala do trono, Ele quer que estejamos diante dele derramando o nosso coração assim como a rainha de Sabá fez com Salomão. O cetro de equidade e justiça esta nas mãos dele, mas para que venhamos desfrutar desta intimidade com o rei, precisamos ser ousados e entrar pela porta que nos foi aberta. O véu foi rasgado e agora já não existem mais barreiras entre nós e Deus. As vezes o nosso coração esta cheio de amarguras e tristezas, vamos até a casa de Deus mas voltamos com o coração do mesmo jeito.

Não tenha medo e nem perca a oportunidade, o palácio do rei esta de portas abertas pra você.

Nunca deixe pra amanha o que você deve fazer hoje




















Lucas 16:27,28

Jesus fala de uma parábola: um rico e outro chamado Lázaro. Havia um homem que desfrutava da sua riqueza, mas na porta da sua casa foi colocado um mendigo chamado Lázaro, o rico passava por Lázaro e nem olhava para ele, não o notava, ele era reconhecido apenas pelos cães que lambia suas feridas. Eles morreram e Lázaro foi para o ceio de Abraão o Paraíso e o rico Lázaro para o lugar de tormento o inferno, e daquele lugar ele via o Lázaro no ceio de Abraão. Vejamos então 3 coisas que o homem rico fez tarde demais:

1 - ele orou tarde demais - ele ora assim: “pai Abraão pede para Lázaro colocar o dedo na água e refrescar minha língua”. Ele orou, mas foi tarde demais. Você sabia q o inferno é um lugar que tem oração? Nesse momento tem gente orando no inferno, mas Abraão disse não tem como te ouvir. Porque entre você e Lázaro tem um abismo. Em vida você buscou o conforto e esqueceu-se de orar.

2 - ele reconheceu o valor do seu próximo tarde demais. Em vida quantas vezes ele passou quase atropelando e nem viu, ele estendeu a mão talvez não fez questão de pegar. Mas agora ele reconhece que Lázaro tem valor. Ele reconheceu o valor do próximo tarde demais (pede para molhar o dedo e me refrescar).

3 - ele se lembrou da sua família tarde demais. “pai Abraão vai lá à minha casa e avisa meus 5 irmãos para não virem para cá”. Quero falar sobre: “não deixe para amanha o que você pode fazer hoje”! Hoje é o tempo de orar , reconhecer o valor do outro, ser solidário com quem precisa , e hoje é o tempo de valorizar uma das coisas mais importantes da nossa vida e isso com certeza é a família.

Um exemplo: Homem sequestrado, apontam revolver, pressão dizendo que iriam mata-lo e depois de um mês ele é solto, e geralmente a pessoa volta querendo beijar os filhos, a esposa, o cachorro, agora ele presta atenção no por do sol, o nascer do sol, ele começa a reconhecer o valor das pessoas que foram solidarias com ele, ou seja, ele acordou para vida. Quando alguém briga por causa de coisa pequena ele reconhece que não vale a pena brigar por isso. Foi necessário 1 mês sendo ameaçado de morte para ele reconhecer o que é importante na vida.

O que é caro? Tudo que da para você comprar com dinheiro é barato.  Caro é tudo aquilo que não dá para você comprar com dinheiro.

Fui num velório, muitas pessoas ali homenageando, beijando, copa de flores lindas. A pergunta é essa: quantas pessoas dessas disseram em vida que ele era especial, quantos o abraçaram e disseram no seu ouvido enquanto ele estava vivo? Porque morto não sente e nem vê as flores, não ouvem declaração de amor. Quantos desses disseram algo no pé de ouvido? Quando é que vamos dar mais valor ao que precisa ser valorizado na vida. Quando vamos reconhecer o valor da mãe? Quando tiver no caixão? Para colocar o melhor vestido, o melhor perfume, vai por no caixão mais caro da funerária? Quando não será mais possível ela ouvir? Quando você vai reconhecer o valor de um filho, do casamento, da família? Não deixe para amanhã o que você deve fazer hoje!

Um marido entra no quarto abre o guarda roupa, pega o perfume, algumas roupas, e diz: “eu dei esse frasco de perfume francês e ela dizia q haveria uma dia especial para ela usar, e hoje estou colocando esse perfume no seu caixão pois ela morreu e o perfume não foi usado”. Quantas pessoas tem no seu armário talheres, pratos, xícaras, e que estão dizendo um dia especial vou usar isso, cuidado pois você pode morrer e o outro vem e usa tudo isso. Quantos ficam esperando o momento especial.

Ouça: O dia de usar aquele perfume é hoje, de usar aquela roupa é hoje, de usar aquele talher é hoje. Não deixe para amanhã o que precisa fazer Hoje! Para quem você precisa pedir perdão? Para quem você precisa liberar perdão? O mais importante na vida é Deus e nossa família, o mais importante da vida é ouvir do filho pai eu te amo, da esposa, do marido, é isso que importa na vida. O resto agente compra. Tem coisas que não da para comprar com dinheiro. Não negligencie aquilo que realmente importa na vida. O que importa é ter comunhão com Deus, uma família unida, ter esposa que nos ama, filhos que nos ama, ter saúde na alma no espírito, o que importa é ter aquilo que não da para comprar com dinheiro.

Jacó, Restituindo Um Sonho

















Gênesis 28.10-22

Jacó é um dos personagens mais intrigantes da Bíblia. Quando você ouve sobre a vida de Jacó e de Esaú, você vê que Jacó aprontou muito mais do que Esaú. A Bíblia não fala de Esaú ter mentido, enganado o pai ou passado ninguém para trás. Mas isso fazia parte do caráter de Jacó. Sua vida inteira foi levando vantagens sobre outras pessoas. Todavia, a Bíblia diz que Deus escolheu Jacó e desprezou a Esaú. Não intriga a você ouvir isso?
Portanto, a história de Jacó pode ser a história de qualquer um de nós. Um homem que teve problemas seríssimos de caráter, um homem que passou por um processo longo e doloroso de transformação e amadurecimento, mas ao mesmo tempo um homem movido por sonhos. De fato, os nossos sonhos são a matéria prima que Deus usa para trabalhar na nossa vida. Quando você sonha você dá matéria prima a Deus. É em cima dos nossos sonhos que ele nos leva ao amadurecimento, nos desafia, nos eleva a um novo nível de fé, para nos testar, e para nos atrair para Ele.
Existe algo que você deseja muito em sua vida? Algo que você está disposto a pagar o preço que lhe for exigido para ter? Se existe algo assim no seu coração, você tem um sonho! Se não existe nada, que você gostaria muito de conquistar que você até abriria mão de outras coisas que também são consideradas importantes em sua vida, então você não tem sonhos genuínos. Jacó era um sonhador! O problema de Jacó não era os sonhos dele.
O problema de Jacó foram os caminhos que às vezes ele percorria para conquistar aquilo que ele queria. Ele teve um sonho, um desejo, algo que moveu ele até a ter atitudes erradas para conquistar. O Sonho dele era ter a bênção do irmão, era ter os privilégios de filho primogênito, bênção essa dada a Esaú. Para conseguir isso, ele mentiu, enganou, barganhou. Mas ele descobriu mais tarde, que todo sonho tem um caminho. Na vida as coisas não são instantâneas como imaginamos. Você não sonha hoje e amanhã você já conquistou aquele sonho. Temos que passar por um processo de amadurecimento, temos que gerar, caminhar até ao ponto de fato da conquista. E foi fugindo do seu irmão que Jacó teve outro sonho. Ele estava dormindo sobre uma pedra. E ele viu os céus abertos e anjos que desciam e subiam. Era tudo o que ele queria. Estar no lugar da bênção de Deus, ter os céus abertos sobre a sua cabeça. Mas quando ele acordou ele estava deitando num travesseiro de pedra.
Veja o que tinha no sonho de Jacó (Gn 28.10-17).
Uma escada que ligava os céus a terra: conexão direta.
Anjos que desciam e subiam: Nível espiritual elevado .
O Senhor falando diretamente a ele: Intimidade.
A fala do Senhor era de promessas: Muitas bênçãos.
Deus fala que seria com ele por onde andasse: Nunca estaria só.
Que ele seria guardado onde quer que ele fosse: Proteção.
Era tudo o que Jacó queria. Bênção, proteção, promessas cumpridas, uma grande descendência. Eu imagino que Jacó estava sonhando com ar de risos. Mas quando ele acordou o travesseiro dele era uma pedra, não tinha escada, não tinha anjo, os inimigos estavam no encalço dele e ele era um fugitivo do seu irmão. Todavia, como havia o sonho, Deus usou o sonho para trabalhar na vida dele. Se Deus vai ou não trabalhar na sua vida, depende dos sonhos que há no seu coração. Deus usou o sonho de Jacó para forjar nele o caráter de um vencedor. Jacó continuou sua jornada até o dia de voltar para casa o lugar de onde ele havia saído. E nesse período ele aprendeu algumas lições que nós precisamos aprender se queremos a conquista dos nossos sonhos. Em primeiro lugar.

I – Você não terá um grande futuro enquanto você não concluir seu passado. Esse sonho de Jacó aconteceu quando ele fugia de casa. E quase 20 anos depois ele passou por ali novamente quando fazia a trajetória de volta pra casa a fim de consertar as questões que ficaram em aberto em sua vida desde quando ele saiu. Muitas vezes nossos sonhos ficam atrofiados porque queremos levar a vida deixando pra trás um histórico de coisas inconclusas, de problemas não resolvidos. Foram anos e anos até Jacó entender que os céus abertos, os anjos e as promessas estavam esperando ele acertar a vida para virar realidade na sua história. Se você quer alcançar o seu sonho de conquista, você precisa resolver as questões em aberto em sua vida. Depois de sofrer muito 20 anos, nas mãos de Labão, Jacó viu que sua vida não teria futuro se ele não concluísse o seu passado. Jacó comeu o pão que o Diabo amassou pra entender que seu sonho era correto, mas o caminho que ele estava andando era errado.
Jacó passou a vida mentindo, roubando, enganando, rompendo relacionamentos, desprezando pessoas, ignorando os princípios de Deus. Mas um dia ele teve que fazer o caminho de volta. E o caminho de volta não foi simples, ele teve que substituir a mentira pela verdade, o engano pela honestidade, consertar relacionamentos, se reconciliar com seu irmão. Aquilo que é enterrado vivo, nunca morre! Você precisa construir uma história de conquista, de prosperidade, mas de paz também. Não adianta você correr deixando questões em aberto, porque um dia você terá que voltar para concluir.
Eu estou falando para pessoas que romperam relacionamentos de maneira errada. Eu estou falando para alguém que trabalhava numa empresa e foi embora brigado, fazendo inimigos e inimizades. Eu estou falando para alguém que tomou atitudes precipitadas e saiu ferindo as pessoas, humilhando, deixando marcas ruins e construindo um histórico negativo. Jacó passou a vida fugindo, mas no final ele não pode evitar o encontro com Deus, com seu irmão, com sua família e consigo mesmo. Os desejos de Jacó eram legítimos, mas precisava resolver o que ficou para traz.
Resolver com o irmão (relacionamento);
Resolver problema profissional (Labão);
Resolver consigo mesmo (questões interiores);
Resolver com Deus (Peniel);
Ele teve que admitir quem realmente ele era (usurpador). Se você saiu do seu trabalho e não saiu bem, faça uma ligação. Isso vai mudar tudo em sua vida, em sua carreira. Amanhã você precisa de uma referência, e alguém vai poder falar bem de você. Se você quer a conquista dos seus sonhos, conclua seu passado! O que é enterrado vivo nunca morre! Em segundo lugar.

II – Você nada conquistará sem determinação e sacrifício. Sabe uma das virtudes mais fortes na vida de Jacó? Era a determinação que ele tinha de alcançar e fazer tudo o que se propunha a fazer. Em muitos casos a pessoa não conquista porque falta essa determinação de se levantar e fazer o que precisa ser feito. Uma das diferenças entre Jacó e Esaú, é que Esaú já nasce afortunado. Já nasceu numa situação privilegiada. Ele era herdeiro de tudo que o pai possuía tinha sete vezes na porção da terra e o dobro de seus irmãos em toda herança deixada. Isso também é outra coisa e nos intriga que herdeiros não valorizam a herança. Sabe qual é o grande problema do herdeiro, é que aquilo que não lhe custou nada, é gasto sem critério, sem pesar. Esaú nasceu tendo por isso ele não valorizou a bênção do pai. Porque já era dele. Mas Jacó nasceu sem nada, sem direito, ele sabia que tudo o que ele quisesse ele teria que conquistar, com seu trabalho, com suas forças, com seu suor.
A maior parte das pessoas não tirou a sorte grande na vida. A maior parte das pessoas não nasceu em berço de ouro. E se você é um desses, você precisa de DETERMINAÇÃO E SACRIFÍCIO para conquistar os sonhos que Deus tem depositado no seu coração. Jacó determinou mudar de vida. Na verdade só acontecem mudanças em nossa vida quando decidimos mudar. Quando tomamos decisões corretas. Pare de ficar sonhando em tirar a sorte grande na vida e batalhe pelo que você deseja alcançar. Você quer ter um carro, uma casa, um casamento, um emprego público, uma faculdade? Então batalhe pelos seus sonhos. Lute se sacrifique e você conquistará. Fracasse, mas não desista. Não tenha medo de tentar! Em terceiro lugar.

III – Invista no seu relacionamento com Deus. Você sabe que os sonhos de Deus só podem ser realizados em Deus. Se os sonhos que há no seu coração, foram plantados por Deus em sua vida, quanto mais perto de Deus você estiver mais próximo de realizar os seus sonhos. As fantasias de Jacó ele realizou sozinho, mas o sonho que Deus tinha pra ele só foi realizado depois que ele entrou e saiu do vau de Jaboque, depois do encontro com Deus. Enquanto Jacó queria apenas enriquecer e casar, ele conseguiu na casa de Labão com o caráter torto que ele tinha, fazendo tantas jacozisses mesmo assim o homem enriqueceu. Mas quando ele desejou CUMPRIR O PROPOSITO, a bênção de Deus, a paz, a segurança para sua família e o futuro dos seus filhos ele teve que se voltar para Deus, e concluir seu passado. Portanto, você não pode usar a desculpa de muita gente que não tem tempo para investir no relacionamento com Deus. Você tem tempo para fazer tudo o que você quiser. Sua vida não pode ser só trabalho e não pode ser só descanso. Há tempo para tudo. Se está faltando tempo pra Deus é porque você está vivendo um desequilíbrio e gastando mais tempo do que ao necessário em uma dessas áreas:
Ou você está dormindo demais, muita preguiça.
Ou você está trabalhando demais.
Ou você está gastando muito tempo com lazer.
Salmo 37.4. “Agrada-te do SENHOR, e ele satisfará os desejos do teu coração”. Deus vai realizar todos os desejos do seu coração, à medida que esses desejos estiverem alinhados com o propósito de Deus para sua vida. Portanto não confunda os sonhos de Deus com as fantasias da carne. Os sonhos de Deus sempre desafiam a nossa fé as fantasias da carne estão no nível do nosso alcance. Os sonhos de Deus são frutos da oração, da comunhão da intimidade já as fantasias da carne são fruto de uma mente natural que só busca construir nessa vida. Os sonhos de Deus têm a ver com os propósitos de Deus, as fantasias da carne têm a ver somente com a nossa satisfação pessoal. Os sonhos de Deus aproximarão você dEle as fantasias da carne vão afastar você da igreja e de Deus. Sabe o que foi legal nessa história de Jacó?
Que ele passou mais de 20 anos correndo atrás de um sonho de Deus para sua vida, mas ele só pode realizá-lo, através das experiências positivas e negativas que o permitiu chegar à maturidade. Deus quer levar você a uma grande conquista. Mas você precisa como Jacó fazer decisões, que vão levá-lo a uma experiência profunda com Deus, e que vão cooperar no seu processo de maturidade.
Muitas pessoas querem alcançar seus sonhos esquecendo-se de Deus. E muitas vezes desprezam o tempo de investir num relacionamento sério com Deus; para descobrir lá na frente que a vida está cheia de rombos de coisas em aberto, e princípios que foram desprezados, que precisam ser acertados. Quando Jacó estava fugindo de casa, Deus deu um sonho a ele. Ele poderia dali mesmo voltar, consertar e viver o sonho de Deus. Mas ele continuou fugindo, foi parar na casa de Labão, enfrentou tudo o que ele fez com os outros no passado em proporções maiores. Trabalhou feito um burro de carga, e 20 anos mais tarde quando ele resolveu voltar, teve um encontro com Deus no mesmo lugar e às coisas se acertaram, ele se voltou para o Senhor.
Eu quero concluir essa palavra desafiando você a assumir uma postura de conquistar os sonhos em Deus. Talvez haja um Jacó dentro de você. Talvez você ouvindo a história de Jacó se identificou e está disposto a não passar por tudo o que ele passou. Você pode dizer: “Deus eu não quero levar 20 anos para aprender o que está sendo ensinado nessa noite”. Eu tenho um sonho de conquista no meu coração. Eu me rendo a ti Senhor!