Assembleia de Deus Ministério Belém
PORTAL LARANJEIRAS CAIEIRAS – SP

Rua Luiz Gonzaga Dartora n° 805
Bairro: Laranjeiras - Caieiras
Cultos:

Terças: 19:30h-21:00h / Quintas: 19:30h-21:00h

Domingos: 18:00h-20:00h

Páginas

ATEU ACEITA A JESUS MINUTOS ANTES DE CIRURGIA CARDÍACA




Ele tinha apenas 1% de chance de sobreviver e resolveu entregar sua vida à Cristo antes de ser anestesiado.

Ivan de Oliveira Almeida, 66 anos, deu seu testemunho na Igreja relatando como venceu um problema cardíaco que poderia ter causado sua morte. O idoso tinha um diagnóstico muito ruim: aneurisma de aorta + lesão obstrutiva + insuficiência de valva aórtica + disfunção de ventrículo esquerdo e ventrículo direito + derrame pleural. Os médicos do Instituto Nacional de Cardiologia no Rio de Janeiro resolveram operá-lo e avisaram a família de Almeida que ele teria apenas 1% de chance de sobreviver à operação.
“Os médicos avisaram a minha família que eu não ia voltar, pois o aneurisma era o maior que eles já tinham visto lá no hospital”, disse o sobrevivente. A aorta é a principal artéria do corpo humano e tem entre 2 a 2,5 centímetros em média. Se ela atingir 4 centímetros de distensão, provocado por aneurismas, a pessoa pode morrer. No caso de Ivan, sua aorta estava com 12 centímetros.
A cirurgia foi bastante delicada e durou 12 horas. “Dentre outros procedimentos os médicos trocaram válvula e fizeram enxerto. Com isso o meu coração ficou por muito tempo fora do meu corpo. Quando o colocaram de volta, colocaram também um aparelho chamado marca-passo, para que fizesse o coração voltar a bater, e então viram surpresos que não precisava de marca-passo, pois o milagre já estava acontecendo. Na hora em que acordei da cirurgia, com dez médicos à minha volta, eu entendi que cada um deles ali era testemunha do milagre do Senhor”, disse o idoso.
Evangelizado por um fiel da Igreja , Ivan Almeida fez questão de contar o testemunho na sede da igreja dizendo que por alguns anos de sua vida ele era ateu e acreditava que os pastores só tinham o interesse de roubar os fiéis.
“Eu era ateu e achava que quem pregava o Evangelho só queria explorar o povo. Hoje sou um milagre de Jesus! Acredita em Jesus, gente! Entrega sua vida a Ele! Ele ergue da sepultura o que está morto! Eu era ateu e Ele me ressuscitou! Até o último segundo da minha vida eu vou falar desse milagre!”
A cirurgia aconteceu no dia 20 de março e antes de ele entrar na sala de cirurgia o amigo dele, José Carlos Rodrigues, 49 anos, pediu para que ele orasse a Deus pedindo pelo milagre. “Eu respondi que passei 66 anos sem crer em Jesus e que seria hipocrisia orar naquele momento. Então, na hora da anestesia, já dentro do centro cirúrgico, pedi um minuto ao médico e em voz alta, quase gritando mesmo, eu disse: ‘Senhor Jesus Cristo, a Ti entrego o meu corpo, a minha alma e a minha vida. Fazei de mim o que quiseres’. E me entreguei à morte, porque eu sabia que ia morrer. Mas Ele disse que não era a hora!”, testemunha.
Naquele mesmo dia ele entendeu que tinha uma missão e se tornou evangélico. “Jesus pôs a mão sobre mim e disse: ‘Você viverá para levar a Minha Palavra ao mundo’. Jesus vive, gente!